terça-feira, 1 de novembro de 2011

Brasil: 52% das empresas já têm departamentos de sustentabilidade

Mais de metade das empresas brasileiras e multinacionais presentes no Brasil (52%) já têm departamentos dedicados exclusivamente à sustentabilidade, segundo uma pesquisa do Ibope Ambiental. De acordo com o estudo, as empresas têm lançado estas áreas, sobretudo, para responder às exigências dos consumidores e implementar práticas e políticas sócio-ambientais.
A pesquisa afirma que 57% das empresas que já trabalham com sustentabilidade estão localizadas na região Sudeste e que 40% destas pertencem aos sectores da indústria e construção civil. É às empresas destes sectores, de resto, que os consumidores mais pedem práticas sustentáveis.
“É uma boa notícia, se levarmos em conta que há 20 anos, durante o Eco92, quando foram feitas as primeiras pesquisas sobre o tema, o homem nem era considerado parte do meio ambiente. [Então], pensava-se apenas em florestas, bem distantes”, explicou Márcia Cavallari, CEO do Ibope Inteligência.
“Hoje, a consciência ambiental do brasileiro está muito maior e, sobretudo nas empresas, é mais fácil colocá-la em prática por conta da cobrança do consumidor”.
De acordo com o estudo, 82% dos clientes do ramo da construção civil pedem aos seus fornecedores informações a respeito do seu comprometimento com o tema. Este é, de resto, o sector que possui os consumidores mais conscientes, segundo Cavallari.
Por tudo isto, a especialista acredita que a conduta dos cidadãos influencia directamente a postura das empresas. “Aproximadamente 70% dos clientes das empresas que têm agora uma área de sustentabilidade na sua estrutura querem informações sobre a sua actividade”, explicou a executiva.
Finalmente, e ainda de acordo com o estudo, o investimento médio destinado pelas empresas a acções e políticas de sustentabilidade é de 3%. “Pode parecer um valor pequeno, num primeiro momento, mas se levarmos em conta que estamos a falar de grandes e médias empresas, que facturam grandes montantes de dinheiro anualmente, é uma quantia razoável”.
A pesquisa entrevistou 400 grandes e médias empresas brasileiras, de diversos sectores, durante Agosto e Setembro. Pode consultar todos os resultados do estudo, na íntegra, aqui.
O Ibope Ambiental, que desenvolveu o estudo, é uma nova área deste grupo e pretende fornecer, à sociedade, serviços e informações que ajudem na promoção do desenvolvimento sustentável do Brasil e combate ao aquecimento global.

Fonte : Green Savers
http://ambientalsustentavel.org/2011/brasil-52-das-empresas-ja-tem-departamentos-de-sustentabilidade/

Nenhum comentário:

Postar um comentário